EXPLORE

foco in cenafoco in cena

Ampliar
O processo
Anterior
O processoO processoO processoO processoO processoO processo
O processoO processoO processoO processoO processoO processo
O processoO processoO processoO processoO processoO processo
O processoO processoO processoO processoO processoO processo
O processoO processoO processoO processoO processoO processo
O processoO processo
Anterior

O processo

CEFAR - Fundação Clóvis Salgado (MG / Brasil)

(1997)

"Desde que alguns funcionários chegaram à moradia de Joseph K. , numa bela manhã, muitos outros funcionários perfizeram o mesmo percurso, cumpriram as mesmas ordens, dispuseram a mesma crueldade inútil. Desde que se viu com o nariz nas portas da Lei, a história de K. se tornou rotina. No momento em que percebeu que sua angústia não tinha outro sentido, que não o de justificar a própria angústia, os anti-heróis kafkanianos seguiram seu destino de perseguir uma graça injustificada e distante. O tédio impessoal, os bons funcionários da morte, a impossibilidade do amor, a incomunicação, a alienação, a angústia; estes não são temas novos, mas ganharam em Kafka a impressão mais pura de premonição.

O Processo é a saga do anti-herói, como somos todos hoje no mundo administrado. É uma parábola religiosa sem a possibilidade de redenção. É uma crítica avassaladora ao poder. É uma narração, isenta na medida do possível, da dilaceração e angústia de uma alma. Escolha a porta. Não esperem que batam à sua, numa bela manhã."

João Paulo

------

"Não saberia dizer todos os motivos que me levaram de novo e pela terceira vez a "O Processo" de F. Kafka.

Sei que o primeiro e o principal problema que tive que enfrentar, foi superar a obrigação de ter que fazer igual ou diferente.

Talvez o estranho prazer de percorrer de novo os corredores deste inesgotável sombrio-luminoso "Labiryntho".

Por outro lado, como que buscando "O Princípio da Roda", me vejo a completar vinte anos de ofício, revisitando meus primeiros passos, pronto para recomeçar."

Carlos Rocha

(Textos extraídos do programa original do espetáculo)

Ficha Técnica

O Processo, de Franz Kafka

Direção, adaptação e iluminação: Carlos Rocha

Assistência de direção e preparação corporal: Sérgio Marrara

Trilha sonora original: Rufo Herrera

Cenário / Figurino: Marney Heitmann

Produção: Marieta Rocha

Preparação vocal: Marco Flávio Alvarenga

Elenco: Laura Bastos, Lenine Martins, Omar Jabur, Jefferson Coutinho, Sávio William

Adereços: Marney Heitmann, André Cortez e Gláucia Salem

Confecção de figurino: Irene Santana e Eugídio Escobar

Assistência de cenário: André Cortez

Pianista convidado: Leandro de Paiva Carneiro

Montagem de luz: Ivanir Avelar

Operador de som: Sérgio Marrara

Divulgue

Entre em CenaAssistiu esse espetáculo?
Tem algo a nos dizer sobre sua experiência com ele?
Então comente aqui e nos ajude a construir esta história.

FECHAR

Concorra a uma impressão fine art das suas fotos favoritas preenchendo seu nome e e-mail nos campos abaixo. Você fará isso uma única vez a cada acesso ao site, independentemente de quantas fotos marcar. Saiba mais em www.focoincena.com.br/foto-do-mes.